Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Eles já apanharam o nosso sabonete!!!


Real Portvscale (1) - (1) FC Matosinhos

25.10.12
[4ª Jornada da Liga SuperFutsal 2012/2103]

 

Real escorrega... mas não cai!

Empate com sabor a vitória!

Higuita foi presença de honra!

E à 4ª jornada da Liga SuperFutsal, o Real Portvscale “escorregou” no seu pavilhão.

A equipa entrou em campo já avisada do perigo que a equipa adversária poderia causar (vinham de uma vitória moralizadora) e das dificuldades que o piso do pavilhão apresentava e que em nada favoreceu o futsal de ambas as equipas, conforme se veio a comprovar durante o desenrolar do jogo.

O jogo começou com um ritmo pouco intenso, de estudo mútuo entre as duas equipas, com o Real a jogar na expectativa e no erro do adversário, que durante grande parte do tempo se limitou a trocar a bola no seu meio campo defensivo.

Acabou por ser uma primeira parte parca em situações de golo iminente e cujo 0-0 acaba por se ajustar ao pouco que ambas as equipas produziram em termos ofensivos nestes 20 minutos.

Na segunda parte a intensidade de jogo aumentou um pouco mais, principalmente porque o Real subiu mais o seu bloco defensivo, procurando recuperar a bola mais perto da grande área adversária.

Tivemos mais bola nestes 20 minutos finais, conseguimos criar mais perigo mas o resultado era o mesmo.

Com uma atitude mais agressiva na procura da posse de bola, rapidamente chegámos às seis faltas e o nosso adversário acabou por dispor do primeiro livre de 10 metros neste jogo que acabou por converter com o Zé Gato a ter algum azar (a equipa percebeu que ele não tendo braços só podia tentar defender com as pernas).

O Mister Alberto, sem nada a perder, imediatamente arriscou no 5x4 com o Turtle a desempenhar as funções de guarda-redes (os adeptos tremeram na bancada depois da última experiência na temporada passada contra, curiosamente, o mesmo adversário).

O FC Matosinhos foi travando as investidas de todas as formas e num desses lances, o nosso cabeçudo, Coutinho, acaba por ver o segundo cartão amarelo e consequente ordem de expulsão.

O cenário era muito desfavorável: a perder 1-0 em casa; um jogador a menos; a faltar menos de 1 minuto para o final do jogo; e o adversário com direito a um segundo livre de 10 metros.

Pois bem, o Zé Gato à última da hora pediu os braços emprestados ao Higuita (que apareceu no pavilhão depois de, finalmente, ter sido encontrado no aeroporto pelo Luís), defendeu o livre e ainda conseguimos empatar a 20 segundos do fim com 4 jogadores em campo através do Turtle.

Conseguimos salvar um ponto que parecia perdido e mantivemos a nossa invencibilidade, no campeonato, que já dura desde Março de 2011.

O resultado acaba por ser justo em relação ao que ambas as equipas (não) produziram.

Ainda falta muito campeonato, mas os nossos objectivos mantêm-se intactos.

Gostava de acabar este texto a dedicar a vitória ao Higuita, mas infelizmente não foi possível.

Para a semana há mais!

Um agradecimento especial a todos que se deslocaram ao pavilhão para nos apoiar, principalmente ao Higuita!

 

Um abraço,

 

Renato

 

Autoria e outros dados (tags, etc)




Fregueses (desde 2/11/2008)




Postas de Pescada


Pessoas com "Bom Gosto"


Plantel 2012/2013


Plano de Festas

Carrega no evento para veres mais detalhes

Liga SuperFutsal 2012/2013

Classificação
Últimos Resultados
Próximos Jogos

Videos Caseiros

Canal Youtube Real Portvscale

Imprensa Desportiva

(clica na imagem para aceder à versão digital) Março 2010


Fevereiro 2010


Janeiro 2010


Guia LSF 2010/2011


calendário

Outubro 2012

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

Pesquisar

Pesquisar no Blog